Idosa encontrada morta dentro de uma arca frigorífica

Postado Junho 01, 2017

A investigação está a cargo da Polícia Judiciária de Aveiro.

Só depois de alertadas as autoridades é que a mulher foi encontrada dentro da arca frigorífica. O corpo foi encontrado na tarde de segunda-feira em Salreu, Estarreja, mas o crime poderá ter sido cometido na quinta-feira - o último dia em que a mulher foi vista.

Depois das primeiras averiguações, a PSP e a PJ já sabem que a idosa tinha alguns conflitos com vizinhos, o que reforça a tese de vingança.

Os bombeiros foram chamados cerca das 22h00 de segunda-feira para levantar o cadáver que foi posteriormente transportado para o Gabinete Médico-Legal de Aveiro para ser submetido a autópsia.

Maria de Lurdes Marques, de 80 anos, foi colocada na arca frigorífica ainda com vida. Foi então que a empregada deu o alerta ao irmão de Maria de Lurdes - com quem esteve um dia antes (na quarta-feira) - e decidiram comunicar à PSP o seu desparecimento.

A casa estaria remexida, o que indicia um possível assalto, mas a carteira da falecida estava com dinheiro, relatou na altura a mesma mulher que deu com o cenário macabro.