Primeiro-ministro da Índia de visita a Portugal expressa condolências

Postado Junho 26, 2017

"Se há cinco séculos foi a rota marítima que nos fez encontrar, hoje será certamente a rota digital que nos juntará para o futuro", declarou António Costa, perante o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, na primeira visita de um chefe de Governo indiano a Portugal.

No início do ano, de visita à Índia, o primeiro-ministro português assinou, com o chefe do governo do país, um memorando de entendimento que estabelecia uma parceria entre os dois estados na área do empreendedorismo.

Os acordos foram assinados em Lisboa, por ocasião da visita do primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, que foi recebido pelo primeiro-ministro português, António Costa.

Numa nota assinada por Narendra Modi, também publicada na sua página pessoal na rede social Facebook, sobre as expetativas do encontro com o primeiro-ministro português, o líder do executivo indiano diz esperar acordar um reforço da cooperação entre os dois países no combate ao terrorismo.

Portugal e a Índia firmaram no sábado 11 acordos que têm por objetivo o desenvolvimento do comércio, da ciência e tecnologia e envolvem a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), a Portugal-India Business Hub, a Universidade do Minho, o Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia de Braga e a Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Os últimos pontos de programa de Modi em Portugal incluem na parte da tarde uma visita ao templo Radha Krihna, na Alameda Mahatma Gandhi, em Lisboa, onde também decorrerá um encontro com a comunidade Indiana em Portugal.

Por sua vez, Modi disse que Portugal é um dos países europeus com melhores condições e ambiente de investimento, enquanto o forte crescimento da economia indiana traz boas oportunidades para intercâmbios econômicos e comercias entre os países.

O primeiro-ministro português elegeu a ciência e a cooperação entre as empresas como os dois pilares da relação entre Portugal e a Índia.

Na sequência da invasão de Goa por tropas da União Indiana em dezembro de 1961, Portugal e Índia apenas restabeleceram relações diplomáticas após o 25 de Abril de 1974.