Liga dos Bombeiros crê que "80% dos fogos têm origem criminosa"

Postado Agosto 13, 2017

Jaime Marta Soares marcou presença hoje no evento em que foram doados 500 equipamentos à Liga dos Bombeiros Portugueses, num evento que decorreu na Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Dafundo, em Algés.

"Já há uma onda terrorista". Já não é a questão económica.

Perante este cenário, Marta Soares diz que "é preciso assumir e enfrentar" a realidade.

Marta Soares insiste ser necessária "uma reforma da floresta" e uma "vigilância mais apertada" para evitar números "tão altos".

Questionado sobre os constrangimentos provocados nas comunicações por falhas no SIRESP (Sistema Integrado das Redes de Emergência e Segurança de Portugal), Marta Soares lembrou que a Liga já tinha alertado para esse facto na altura dos acontecimentos.

Desafiado pela jornalista da TVI a comentar a conferência de imprensa desta quarta-feira em que Constança Urbano de Sousa revelou dados sobre a tragédia de Pedrógão Grande, o Presidente da Liga dos Bombeiros "disse não se querer envolver nas opções da ministra", mas defende que as explicações "não deviam ser dadas a avulso".