MPF publica esclarecimento 5 dias após encontro após Dodge e Temer

Postado Agosto 14, 2017

A nota foi divulgada 5 dias após a reunião dos 2, às 22h da última 3ª feira (8.ago), no Palácio do Jaburu. O encontro teria sido confirmado para o dia seguinte, 3ª feira (8.ago), no Palácio do Planalto.

Ela afirmou que se reuniu com o presidente para discutir a agenda de sua posse no cargo, em setembro. Devido a 1 atraso na capital paulista, a audiência foi transferida do Planalto para a residência de Temer.

Ela pediu, então, uma reunião formal, mas obteve um encontro informal.

Segundo a nota da equipe da nova PGR, os fatos que motivaram a reunião foram "institucionais" e o compromisso "sempre constou da agenda de Raquel Dodge". O comunicado afirma também que o gabinete de Dodge havia solicitado um encontro com o presidente no dia anterior à visita noturna ao Palácio do Jaburu. "O mandato do atual PGR terminará no dia 17 de setembro".

Atualmente, subprocuradora-geral da República, Raquel também atuou em matéria criminal no Superior Tribunal de Justiça, é mestre em direito pela Universidade de Harvard e integrante do Ministério Público Federal há 30 anos.

Ela foi indicada para o cargo pelo presidente Michel Temer após composição da lista tríplice, em eleição feita pela Associação Nacional dos Procuradores da República. No decorrer daquela tarde, o gabinete de Raquel Dodge foi contatado pela secretaria da Presidência, informando atraso no horário da audiência, porque o Presidente da República ainda estava em viagem a São Paulo.

A próxima procuradora-geral da República, Raquel Dodge, vai tomar posse no dia 18 de setembro. A solenidade está marcada para as 10h30, na sede da Procuradoria Geral, em Brasília.