Flamengo é derrotado na primeira partida final da Copa Sul-Americana

Postado Dezembro 07, 2017

Réver marcou para a equipe carioca. Na chamada, pode-se ler que "Independiente apelou para a mística e conseguiu uma vitória chave no jogo da ida".

O título da Copa Sul-Americana começa a ser decidido por Flamengo e Independiente, da Argentina, na noite desta quarta-feira, no Estádio Libertadores da América, em Avellaneda. Os ingressos para a partida começaram a ser vendidos nesta terça (5) e já estão esgotados.

O Flamengo terá que vencer, por dois gols de diferença, o jogo na próxima quarta-feira, no Rio de Janeiro, para ficar com o título. Uma vitória simples leva o jogo para a prorrogação. O campeonato todo com uma regra e nesse final é outra (regra), mas, valeu. Dentro do gramado, já não havia tanta beleza assim.

O início do jogo foi bem movimentada e o gol do Flamengo saiu logo aos 8 minutos com Réver. O Flamengo teve apenas 40% da posse de bola nos primeiros 45 minutos. O time brasileiro foi para o ataque desde os minutos inicias. A resposta do Independiente veio na mesma moeda: falta da mesma região do campo, mas o desvio de Tagliafico passou por cima. Gigliotti recebeu livre e finalizou com tranquilidade, aos 28min. De olho em terminar o ano de bem com a torcida, o Rubro-Negro entra com tudo para levantar a taça. Meza pegou de primeira e acertou um lindo chute: golaço. O Independiente ainda assustou no último minuto, em mais um levantamento para a grande área. O cenário da primeira etapa se repetiu e o Independiente seguiu dominando. O garoto faz parte do ataque do Independiente, juntamente com Gigliotti e Meza.

FLAMENGO - César; Pará, Réver, Juan e Trauco; Cuéllar, Willian Arão, Diego (Vinícius Junior), Everton Ribeiro e Lucas Paquetá (Everton); Felipe Vizeu. Se conseguir dois gols de vantagem, o Fla será campeão. Em cobrança de falta feita por Trauco, o zagueiro do time rubro-negro, subiu mais alto que a defesa argentina e cabeceou para o gol.